Resumo do Livro Corações Partidos

Resumo do Livro Corações Partidos de Antonio Luiz Aguiar.

Resumo do Livro Corações Partidos
Corações Partidos

Resumo do Livro Corações Partidos

O livro Corações Partidos mostra o amadurecimento de uma menina inocente e cheia de dores sentimentais.

A decepção amorosa entre essa menina e o seu primeiro amor que a abandona na intenção de fazer ela sofrer propositalmente mostrado pelo autor. Os pais dessa menina decidem mandar ela para a casa da avó, onde vive em um sitio.  

O autor que tentar mostrar para os leitores de seu livro que é preciso uma jovem ter consciência de seus atos e ter certeza de suas decisões que vão vi a ser tomadas. Ele também quer mostra que a leitura pode ser uma boa conselheira para assuntos pessoais e isso pode fazer com que os seus leitores tomem essa iniciativa de ler cada vez mais, não só por ler mais sim por interesses de aprendizagem e ate melhorar nonos conhecimentos da leitura e da escrita.

A mensagem que o autor tenta passar para as pessoas, pode ser vista como uma lição que vai sendo passada de leitor para leitor e assim a historia do livro pode ser vista e lida por cada vez mais e mais pessoas.Concordo plenamente com a idéia do autor em mostrar para seus leitores uma forma de autoconhecimento a partir de uma leitura eles podem si conhecer mais rápido e mais fácil do que pensam e isso também possa a ajudar o leitor de fixar as coisas mais rápido.

O autor, Antonio Luiz, fez com que vários leitores jovens si identificassem com a historia da menina sofrida e isso faz com que outros possam possibilitar a identificação de mais pessoas com seus livros.

Resumo:

AGUIAR, Antonio Luiz, Corações Partidos

Nessa obra,Luiz Antonio Aguiar mostra,de forma detalhada, història de uma jovem chamada Crica, que sofre uma decepção amorosa e resolve morar uns tempos com sua avó Glaura,no sitio da família.O livro esta organizado em vinte e três capítulos.

Capitulo 1: Os pais de Crica recebem uma ligação de Juninho (ex-namorado de Crica)que não se identifica no telefonema, e faz com que o pai da menina fique ainda mais furioso.

Capitulo 2: Neste capitulo a menina, que já se encontrava no sitio, relembra em seus passeios da tarde que existe um cemitério da família. O cemitério se tornaria o lugar onde Crica iria toda tarde para refletir sobre sua vida.

Capitulo 3: Em uma conversa com sua avó, Crica descobre que toda trisneta recebe o nome de sua trisavó, isso é uma tradição de família, e por isso que entra as lapides do cemitério existe uma com o nome Aurélia Cristina,o mesmo nome da jovem.

Capitulo 4:Crica recebe a visita de Mauricio, um velho amigo de sua avó,que vai todo final de tarde jogar conversa fora com a menina e com dona Glaura .Sempre sentados na varanda.

Capitulo 5:Na varanda do sitio,dona Glaura e seu Mauricio lembram do livro Senhora,de Jose de Alencar. Dona Glaura teve a idéia de dar o livro para sua neta ler,desde que ela veio para o sitio.Eles acharam que era o momento certo para a menina consolar suas decepções e aprender com aquele livro.

Capitulo 6:Dona Glaura começa a ler o livro Senhora para sua neta e revele para ela que o livro faz parte da història da família,assim como Crica também estava fazendo parte naquele momento.

Capitulo 7:Crica e dona Glaura discutem o começo da historia do livro Senhora.Depois da chegada de Mauricio,ele e as jovem tem uma grande discussão sobre o livro e sobre a vida de professor de  literatura que Mauricio tinha.Logo após Crica descobre que toda mulher de sua família que lê o livro deixa sua assinatura na contra capa dele.

Capitulo 8:A menina Crica,procura no dicionário da biblioteca da família,o significado da palavra que Mauricio falou na ultima conversa entre eles.Depois que Crica acha a palavra “Ex-líbris” ela vê  que significa “Pertence a alguém”,e assim ela descobre que o livro Senhora pertenceu a sua parente Glaura Martiniano,que foi quem o escreveu.

Capitulo 9:Neste capitulo, dona Glaura, avó de Crica, conta para neta como ocorreu sua historia de amor com Mauricio.

Capitulo 10:Dona Glaura continua a contar a historia entre ela e Mauricio,assim as duas acabam falando também sobre o avô de Crica,que já era falecido, e o quanto ela fez dona Glaura feliz, mesmo ela  não amando como amou Mauricio.

Capitulo 11:Crica encontrou sua avó no cemitério sobre o tumulo de Jonas,(seu marido já havia falecido) e vê uma cena muito comovente,pois dona Glaura estava também com o livro Senhora sobre o peito,lamentando por vê o tumulo,mas saber que o corpo dele não esta lá, porque nunca o encontraram.Ali mesmo no cemitério,dona Glaura retomou a leitura do livro Senhora para a neta.N o decorrer da leitura,Crica percebe que Aurélia que é a principal personagem do livro,fica órfã e começa a procurar um companheiro,ficando todos os dias na janela de sua casa a procura e a espera de seu amor.

Capitulo 12:Crica lê um poema de sua autoria para a avó e no decorrer dessa conversa entre elas,dona Glaura mostra uma carta mandada  por  Juninho.Apos isso Glaura volta para casa e a menina fica entre as lapides desabafando para suas parentas como ocorreu  a sua historia com Juninho.

Capitulo 13:Depois de um certo tempo Crica começou a ter medo, pois começou a chover muito forte e a explodir relâmpagos no céu.Ela sai correndo pelo cemitério procurando o caminho de volta,mas só vê a escuridão da tempestade.A menina é salva por um vulto,que era Mauricio, que foi procurar a menina a mando de dona Glaura.

Capitulo 14:Depois daquela noite Crica andava muito silenciosa juntamente com o livro Senhora sempre em seus braços.Já na varanda dona Glaura e seu Mauricio passavam mais um dia jogando conversa fora.Falando do polemico livro que fez e faz patê da vida dos Martiniano.

Capitulo 15:Crica lê para si mesma um de seus poemas,que refletem suas angustias e pensamentos.

Capitulo 16:A menina finalmente sai do quarto e aparece na varanda,com profundas olheiras que chamaram a atenção da dona Glaura e Mauricio.Logo depois dona Glaura vai ate a cozinha pegar um lanche para eles,e assim Crica e Mauricio começam mais uma discussão sobre o livro Senhora.

Capitulo 17:Mais uma vez na varanda,dona Glaura e seu Mauricio tentam saber se Crica ainda estava com a carta mandada por Juninho.E  discutem si foi uma escolha  certa ter dão a carta para a menina.

Capitulo 18:Crica,mais uma vez em seu quarto não conseguia dormir,ficava pensando e rabiscando versos no ar.

Capitulo 19:Crica e sua avó iam juntas para o cemitério,carregando mais uma vez o Senhora em seus braços.Dona Glaura começa a falar para neta sobre a historia dela com Jonas.

Capitulo 20:Dona Glaura faz uma proposta para Mauricio.Ela propõe a ele que quando ela vier a falecer, que seu tumulo fique entre o tumulo de seus dois amores,Jonas e Mauricio.

Capitulo 21:C rica se encontra na biblioteca aflita para ler o fim da historia da livro Senhora,mas sem coragem de saber o que iria acontecer.Depois de ler ela si sente muito mais aliviada em saber que eles ficaram juntos no final.

Capitulo 22:Mauricio e dona Glaura discutem sobre o desfecho do livro Senhora.No quarto Crica toma coragem de ler a carta de Juninho.

Capitulo 23:Crica mais uma vez pega o caminho em direção ao cemitério.Foi pensar em sua vida no seu refugio porque não conseguia dormir,depois que leu a carta de Juninho.Dona Glaura foi ao encontro da sua neta e as duas conversaram sobre as dores e o sentimento,os pensamentos e as decisões que ela tinha de tomar.Depois de tudo Dona Glaura e Crica retomaram o caminho de casa.